Sábado, 21 de Maio de 2022
98984244732


Educação Piauí

Governadora recebe representantes de Hub de Tecnologia para parceria com escolas estaduais

A proposta é oferecer cursos técnicos com duração de 12 a 18 meses, todos ligados à tecnologia, para os estudantes do ensino Médio

09/05/2022 13h25
Por: R10 Maranhão Fonte: Secom Piauí
Foto: Reprodução/Secom Piauí
Foto: Reprodução/Secom Piauí

A governadora Regina Sousa recebeu, nesta segunda-feira (09), o secretário da Educação, Ellen Gera, para tratar sobre o incentivo para que alunos das escolas estaduais se conectem ao mundo digital e tecnologia por meio de cursos. Durante a reunião estiveram presentes representantes da NAU Digital, uma Hub de Tecnologia e Inovação do Piauí, que deve fazer parceria com a Seduc e oferecer cursos técnicos com duração de 12 a 18 meses, todos ligados à tecnologia.

“Precisamos introduzir a tecnologia e o conhecimento digital nas escolas para que nossos alunos estejam preparados para o mercado de trabalho. Além do mais, esses conhecimentos são importantes para o dia a dia. Então, é necessário que esses meninos e meninas já comecem a aprender desde cedo”, disse a governadora.

O Governo do Piauí, por meio da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), deve criar um ambiente adequado para os alunos e incluir na grade escolar, a partir do 1º ano do ensino Médio, conhecimentos básicos de informática para que os estudantes possam terminar o 3º ano sabendo sobre o assunto.

Segundo Pedro Ângelo, representante da Hub de Tecnologia, a NAU Digital é um projeto que oferecerá 106 bolsas de estudo nessa área. “É o primeiro Hub de inovação e tecnologia do Piauí e a ideia é colocar dentro das escolas, cursos de formação na área de tecnologia. São bolsas gratuitas para os alunos e eles poderão, dentro do laboratório, percorrer essa trilha de aprendizado. Queremos que eles iniciem e concluam esses cursos. E para isso vamos oferecer monitoramento”, garantiu.

O secretário da Educação, Ellen Gera, destacou que é muito importante ainda dentro da escola os alunos começarem a ter contato com a tecnologia. “Nós já temos alguns projetos na rede estadual, como robótica, estudo de linguagem de programação e junto ao Hub vamos colocar cursos para o ingresso no mundo do trabalho. São pequenos cursos na área de qualificação que vão permitir que nossos estudantes possam se adaptar com outras temáticas”, explicou.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias