Início Política Vereador reage nota do prefeito de Buriti: “Estou saindo porque vejo da...

Vereador reage nota do prefeito de Buriti: “Estou saindo porque vejo da parte dele uma incompetência administrativa irreversível”

1152
0

Na manhã deste sábado 29/2, o vereador Enchente (PP) reagiu, duramente, às palavras do prefeito Naldo Batista (PSC) que, em nota de sua assessoria de comunicação, o havia criticado após anunciar, na tribuna da Câmara de Vereadores, na sessão de ontem (28),  sua saída da base governista.  Na nota divulgada pela Secom, o prefeito sugere que o Enchente defendia “interesses particulares”. (CLIQUE E REVEJA)

Em nota pública DE ESCLARECIMENTOS encaminhada ao Correio Buritiense, o vereador Enchente detalha os motivos de deixar a base do governo e refuta às acusações governistas. Ele diz que o prefeito Naldo Batista prometeu muito nas eleições de 2016 e pouco fez. Cita como exemplo o caso da saúde no município: “a saúde pública, que grita socorro, hoje não nasce mais um Buritiense, procedimentos são transferidos para Cidades Vizinhas, ou até mesmo para organizações não governamentais”.  Enchente diz ainda que o prefeito de Buriti “faz de tudo para chegar ao poder, passando por cima, inclusive, da ética.”

“Estou saindo porque não compactuo desse modelo de gestão, sou amigo das pessoas contribuo com a população, prestando atendimento e honrado com aqueles que me confiaram”.  “Estou saindo porque vejo da parte dele uma incompetência administrativa irreversível, e suas justificativas não condizem com a realidade”, finalizou o vereador.

Confira abaixo a íntegra da nota:

“A População Buritiense se vê mais distante da sua legítima representação executiva. Quando um cidadão vota e elege seu representante, espera dele atuação democrática e austera, mas não é isso que ocorre com o senhor Lourinaldo Batista, atual gestor do Município. O candidato nas eleições de 2016 prometeu muita coisa, porém, em três anos de governo, não cumpriu, não digo de interesses particulares como o mesmo afirma que eu venho a ter, isso chega a ser contraditório vindo da parte do mesmo, mas de políticas públicas necessárias voltadas à população, a principal dela a saúde pública, que grita socorro, hoje não nasce mais um Buritiense, procedimentos são transferidos para Cidades Vizinhas, ou até mesmo para organizações não governamentais, todas as promessas foram esquecidas em prol da governabilidade, as soluções para os problemas foram apenas promessas de campanha. Porém, este faz de tudo para chegar ao poder passando por cima, inclusive, da ética.

“Tenho minha consciência tranquila sobre as alegações deferida por ele, estou saindo porque não compactuo desse modelo de gestão, sou amigo das pessoas contribuo com a população, prestando atendimento e honrado com aqueles que me confiaram, além de legislar, presto serviços aos amigos como eletricista, intermedeio  procedimentos médicos, motorista, empregos e posso afirmar com toda clareza que a maioria deles não foram prestados pelo prefeito, e sim por boas amizades. Estou saindo porque vejo da parte dele uma incompetência administrativa irreversível, e suas justificativas não condizem com a realidade.”

Valdiram Rodrigues da Silva

(Vereador Enchente – PP)