Início Maranhão No Maranhão, mulher morre em portão energizado; vigia é preso

No Maranhão, mulher morre em portão energizado; vigia é preso

678
0

Uma mulher morreu eletrocutada ao urinar próximo a um portão energizado em São Luís do Maranhão. Um vigia, apontado como suspeito da ligação ilegal, foi preso. A vítima não teve o nome informado.

O caso aconteceu no Centro da capital em um prédio pertencente à Junta Comercial e que está em reforma conduzida pela Iphan. O vigia, que não teve o nome revelado, é apontado como acusado de energizar o portão.

Ele trabalha na empresa responsável pela reforma. O vigia foi preso e assumiu ser o autor da ligação ilegal. As informações são da Secretaria de Estado da Comunicação Social e Assuntos Políticos (Secap).

Nota da Equatorial

SOBRE O INCIDENTE OCORRIDO NA MADRUGADA DA SEGUNDA-FEIRA, 24, NA RUA PARQUE DE NOVEMBRO NO CENTRO HISTÓRICO DE SÃO LUÍS, A EQUATORIAL MARANHÃO INFORMA QUE UMA EQUIPE DE PLANTÃO ESTEVE NO LOCAL JUNTAMENTE COM UMA EQUIPE DO CORPO DE BOMBEIROS E ENCONTRARAM NO IMÓVEL UMA LIGAÇÃO CLANDESTINA NAS INSTALAÇÕES ELÉTRICAS INTERNAS QUE ELETRIFICAVA UM PORTÃO DE METAL, FATO QUE VITIMOU UMA SENHORA IDENTIFICADA COMO MARIA BOAS, 56 ANOS.A EQUATORIAL MARANHÃO ORIENTA QUE CERCAS ELÉTRICAS SOMENTE PODEM SER CONSTRUÍDAS POR EMPRESAS ESPECIALIZADAS E DEVEM SEGUIR AS NORMAS BRASILEIRAS, QUANTO AOS CRITÉRIOS TÉCNICOS E DE SEGURANÇA.

 

Com informações do Imirante